Trabalhando com facção

Trabalhar com facção é um ótimo negócio, os custos são mais baixos e o resultado é mais rápido. Mas exige um certo jeito para lidar, tem alguns aspectos que influenciam e podem tornar tudo muito mais complicado e difícil. Tem horas que a roupa volta um desastre, toda torta ou acabamento de destruir qualquer reputação. eu tenho um pensamento a respeito disso, acho que o resultado depende diretamente das orientações passadas.

Existem costureiras que não precisam de orientação, seguem a peça piloto e no final fica tudo uma beleza, sabem interpretar bem o trabalho. Mas existem aquelas pessoas que tem dificuldade de traduzir as peças cortadas. eu já passei por situações em que recebi a peça pronta toda torta pois a pessoa simplesmente costurou de cabeça para baixo uma das partes, ela se confundiu pois eram bem parecidos os lados, pouca diferença. Esse caso relata um erro que poderia facilmente ser evitado se eu tivesse tomado certos cuidados antes. Depois de passar por diversas situações cheguei a alguns pontos que acho importantes serem observados na hora de trabalhar com facção, são eles:

1. Sempre enviar peça piloto correta, sem bilhetes de modificação
2. Preparar todas as etiquetas e os aviamentos necessários e conferir as quantidades para não faltar nada
3. Separar para facção sempre as peças médias de dificuldades, se não for possível oriente muito bem a costureira, com dicas de quem fez a piloto e instruções sobre a montagem da peça complexa, barrando assim os erros
4. oriente a faccionista a fazer uma peça primeiro para sentir o processo(assim dá para descobrir as dificuldades e facilidades e pensar no jeito mais rápido de montar a peça), depois dar inicio a produção do montante.
5. Controle as quantidades de peças enviadas levando em consideração a experiência , distancia e grau de dificuldade da peça
6. Fazer contrato de acordo de trabalho(pode ser informal mesmo) para estabelecer responsabilidades das partes
7. Todo lote de peças para facção deve sair da empresa com recibo constando o valor do trabalho, quantidade de peças e tempo(data) previsto para entrega.
8. Orientar para as peças com defeito que as vezes aparecem no corte,peças com defeitos no tecido ou na estampa não devem ser confeccionadas
9. Incentivar sua equipe de facção com pequenas reuniões semestrais e orientações sobre os materiais usados em cada coleção
10. Todas as informações que forem possíveis devem ser passadas para a facção, isso evita um resultado desastroso que dá prejuízo em muitos casos, principalmente quando são peças muito complicadas.
11. Pagar preço compatível com trabalho realizado, levando em consideração o tecido utilizado, detalhes da peça, acabamento e tempo para entrega. Sempre lembrando que um bom retorno torna o faccionista fiel.

Um comentário:

  1. ÓTIMO TRABALHO.
    ESTOU EM BUSCA DE QUALIDADE, E VEJO QUE VCS TRABALHAM ASSIM.

    ResponderExcluir

map